Hematúria

Hematúria é a palavra que significa a presença de glóbulos vermelhos ou sangue na urina.

A simples presença de glóbulos vermelhos na urina, até os limites considerados como máximos, é perfeitamente normal. Acima dos limites estabelecidos (que varia conforme a técnica laboratorial), já pode ser considerado patológico, ou seja, alerta para um possível problema.

A hematúria é dividida em duas formas: hematúria microscópica (glóbulos vermelhos em quantidade acima da normalidade, apenas observadas em exame de urina) e hematúria macroscópica (presença de sangue visível na urina).

Ambas as formas podem indicar que algo está acontecendo nas vias urinárias ou até mesmo em outros órgãos mas, muitas vezes, podem ocorrer sem causa definida.

Alguns exemplos de de fatores que levam hematúria são: infecções urinárias como a cistite, litíase urinária (pedras nos rins), processos inflamatórios das vias urinárias, doenças reumatológicas, doenças vasculares e até mesmo tumores benignos ou malignos.

A hipertensão arterial (pressão alta) e a diabete (açúcar no sangue), problemas de saúde que afetam milhares de pessoas no mundo todo, são causas frequentes de hematúria microscópica e, nestes casos, a hematúria pode estar significando comprometimento renal de maior ou menor gravidade. Em muitos casos, doenças do sangue (como as leucemias) ou doses excessivas de medicamentos que afetem a coagulação, podem se manifestar com a presença de sangue na urina.

Uma minuciosa avaliação clínica e exames complementares devem ser realizados em todos os pacientes que apresentam hematúria, a fim de diagnosticar e direcionar o tratamento conforme o caso.

O mais importante é investigar e avaliar se a hematúria está sendo causada ou não por uma doença que demande tratamento, com o intuito de não deixar passar despercebidos problemas que possam vir a acarretar graves consequências para a saúde.

Dr. Faisal Augusto Alderete Esgaib
Dr. Faisal Augusto Alderete Esgaib

Dr. Faisal, médico formado pela Universidade Federal do Paraná (UFPr)– Curitiba, no ano de 1992, com registro no Conselho Regional de Medicina de Mato Grosso do Sul, CRM 3446

Outros Artigos

Hello world!

Welcome to WordPress. This is your first post. Edit or delete